Prius-PT
Comunidade independente de proprietários e amigos de viaturas de mobilidade sustentável

Toyota: nem sempre no melhor caminho...

rated by 0 users
This post has 48 Replies | 6 Followers

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
SystemAdministrator
tcap-support
Telmo Salgado replied on 8 May 2017 20:55

O sr.Pedro Lima, articulista, faz algumas declarações que carecem de fundamento:

They can only be used for 50 % of the time in electric mode in very especial occasions, such as been stranded in intense city traffic for 30 minutes in a 60 minutes journey.

 

Na realidade* o HSD permite estar sem MCI uma grande parte do tempo no ciclo urbano [US FTP cycle], um dado que aponta para 63% em frio e 66% em quente - ver página 8:

https://meocloud.pt/link/7bf6fcf9-8b97-48ca-9b06-10e27beccd5d/ensaio%20laboratorial%203G%20Argonne.pdf/

* - (estudo laboratorial Argonne ao Prius 3G)

Não se pode apontar o dedo sem saber o que se está a atacar.

Branca de Neve 30% são minha autoria...

Planeta: CO2

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
014_Prius_PHV
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_3G
Moderator
tcap-support
Luis Neves replied on 8 May 2017 21:43

Pois, mas tempo e km são coisas muito diferentes.

Por razão que tenha na perspetiva do tempo, a Toyota não devia fazer publicidade dúbia, nem que fosse por ter obrigação de antever o alarido que isto ia dar nas redes sociais. Principalmente pela crítica implícita aos PHV/EV associada à mensagem.

Toyota Prius PHV    Spritmonitor.de

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
SystemAdministrator
tcap-support
Telmo Salgado replied on 8 May 2017 21:56

O meu post foi só no sentido de ilustrar o empolamento patente no artigo de opinião Pushevs.

Há que ter rigor na análise do anúncio, pede-se isso a quem clama por isenção noutras matérias. Ou seja, os adeptos fervorosos dos BEV terão de ter a calma de quem se sente "acima" destas coisas de híbridos...

E sim, já o disse lá atrás, concordo que a Toyota não devia fazer publicidade dúbia, devia se calhar passar a mensagem que os híbridos são o "novo convencional". Angel

Branca de Neve 30% são minha autoria...

Planeta: CO2

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
017_Prius_4G_PHV
420_BMW_C_Evolution
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_2G
SystemAdministrator
tcap-support

Telmo Azevedo:

Vais-me desculpar Telmo, mas dificilmente podemos dizer que a decepção é geral só porque o nosso membro Pedro Lima escreveu... enfim...

Desilude-me acima de tudo não a posição em si, que também aqui discutimos, mas a falta de argumentação e inverdades ali vertidas.

Coisas como esta:

Pedro Lima:

The truth is that Toyota plug-less hybrids have a electric range of roughly 2 km. They can only be used for 50 % of the time in electric mode in very especial occasions, such as been stranded in intense city traffic for 30 minutes in a 60 minutes journey.

Não lhe fazia mal conduzir um híbrido Toyota/Lexus por uma temporada, e nota-se a milhas que andou por aqui umas semanas e nunca mais cá voltou, porque é preciso não se perceber rigorosamente nada de híbridos para dizer tamanha barbaridade.

Isto podia ser percebido se fosse um jornalista a escrever há uns 4 ou 5 anos atrás, mas nos dias de hoje não se perdoa. O que ele faz é pura e simplesmente olhar para um híbrido e para a sua bateria como se de um EV se tratasse. É impressionante a falta de conhecimento.

Podemos sempre ter opiniões discordantes, seja de quem for, mas é preciso fundamentar.

Talvez o facto do Pedro ter comprado um Honda Insight (IMA) em vez de um Toyota Yaris (HSD) explique a falta de conhecimento. Mas se não se tem conhecimento não se apregoa, não se faz juízos de valor. Pergunta-se a quem sabe, é isso que se faz.

 

Entretanto noutra nota sobre este tema, fiquei a saber que a Toyota Portugal tem uma aproximação inovadora em relação a esta publicidade, que ninguém aqui sabia, e que muito me surpreendeu pela positiva; passo a explicar:

Quando alguém se dirige a um concessionário para fazer o test drive ao novo Yaris, a viatura que sai com o potencial cliente para a rua leva um dongle OBDII ligado, que vai registar todo o percurso, comportamento, estado do veículo, etc. Muitos de nós utilizam o mesmo mecanismo por amadorismo e curiosidade, pois a Toyota vai usar como ferramenta de vendas.

No final do test drive é apresentado o relatório do percurso, com as estatísticas relevantes, entre elas o tempo que o veículo passou em modo EV.

Posso dizer que é bastante comum a percentagem vir acima dos 60%, pelo que a expressão "até 50%" é relativamente fácil de validar.

Claro que se o test drive for fazer Lisboa-Porto em AE, esqueçam lá os 50%, mas isso é supostamente explicado pelo comercial ao cliente.

Daí o "até".

Gosto da publicidade e da mensagem quasi anti-EV? Não, continuo a não gostar.

Gosto da iniciativa de registar a % de tempo em EV, e mostrar com PROVAS que os 50% são facilmente ultrapassáveis em urbano? SIM.

No global, se as coisas forem feitas com conta, peso e medida, o resultado é capaz de ser bastante positivo, acrescentar mais clientes HSD ao lote.

Spritmonitor.de Toyota Prius 3G PHV         Spritmonitor.de BMW C-Evolution        

Spritmonitor.de Toyota Prius 4G PHV         Spritmonitor.de Tesla Model 3

 

Don't confuse my personality with my attitude... My personality is who I am, my attitude depends on who you are...

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
017_Prius_4G_PHV
420_BMW_C_Evolution
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_2G
SystemAdministrator
tcap-support
João Prates replied on 9 May 2017 10:25

Luis Neves:
a Toyota não devia fazer publicidade dúbia, nem que fosse por ter obrigação de antever o alarido que isto ia dar nas redes sociais. Principalmente pela crítica implícita aos PHV/EV associada à mensagem.

Isto sim, é um dos pontos principais.

Quem conhece os HSD vê até onde "a corda foi esticada", e tipicamente não gosta muito do conceito.

Quem só conhece os EVs, ou desconhece completamente os HSD (veja-se o Pedro Lima), interpreta tudo à luz dos EVs e distorce, desinforma.

Esperemos que o número de clientes arrebatados por esta publicidade compense a imagem menos positiva criada entre os conhecedores.

E já agora que venham todos cá parar, para podermos explicar como deve ser todas as vantagens de um HSD face a um ICE, e até face a EVs.

Sim, porque não vamos ser fundamentalistas, HSDs e EVs são complementos, um HSD não faz tudo, mas um EV também não serve para tudo.

E esta "guerra" estúpida entre HSD, EV, e o que mais seja, não faz qualquer sentido. Todos têm o seu lugar, e todos são precisos.

Spritmonitor.de Toyota Prius 3G PHV         Spritmonitor.de BMW C-Evolution        

Spritmonitor.de Toyota Prius 4G PHV         Spritmonitor.de Tesla Model 3

 

Don't confuse my personality with my attitude... My personality is who I am, my attitude depends on who you are...

Top 25 Contributor
Plug-In
0000_PREMIUM_Access
021_Auris_HSD_1G
tcap-support
William Esteves replied on 13 May 2017 20:08

Só venho aqui deixar uma nota, não é apenas a Toyota, também na Lexus existe um discurso semelhante face aos "LSD"...

Por estar a equacionar adquirir viatura até ao fim do ano, contactei 3 concessionários para 3 viaturas de conceitos diferentes com a mesma nota, que seria para começar a balizar valores e modelos que se enquadram....

-A Mini, a com melhor atendimento, super disponível, enviou proposta em 3 dias já a disponibilizar test-drives e tudo mais;

-A Toyota, que demorou 1 semana a passar da recepção para o vendedor, e 2 semanas ainda sem propostas.

-E finalmente a Lexus, unica que até ver visitei presencialmente com um excelente atendimento, porém, sem proposta ao fim de 2 semanas e ao estar ao volante de um IS300h, o vendedor referiu que consegue 70% pelas baterias sem motor a gasolina!!! Sim, 70%... 

1999 Avensis T22 (3S-FE)

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
014_Prius_PHV
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_3G
Moderator
tcap-support
Luis Neves replied on 13 May 2017 20:33

Nem sei o que dizer...Tesla, vamos lá dar cabo deste sistema depressa s.f.f....

http://forococheselectricos.com/2017/05/toyota-presiona-al-gobierno-de-la-india-para-que-rebaje-sus-ambiciones-electricas.html

Toyota Prius PHV    Spritmonitor.de

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
SystemAdministrator
tcap-support
Telmo Salgado replied on 16 May 2017 1:13

William, esse cenário é desolador. Creio que deverias abrir um tópico ou então alimentar este.

É altura de serem coerentes com a vontade-cliente, se é que querem vender a quem se interessa, como me parece ser o teu caso.

Branca de Neve 30% são minha autoria...

Planeta: CO2

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
017_Prius_4G_PHV
420_BMW_C_Evolution
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_2G
SystemAdministrator
tcap-support
João Prates replied on 17 May 2017 8:47

William Esteves:
E finalmente a Lexus, unica que até ver visitei presencialmente com um excelente atendimento, porém, sem proposta ao fim de 2 semanas e ao estar ao volante de um IS300h, o vendedor referiu que consegue 70% pelas baterias sem motor a gasolina!!! Sim, 70%... 

Viva William,

 

Para ajudar a esclarecer o que é possível de atingir ou não com um híbrido Toyota/Lexus fiz questão de realizar uma série de testes que reproduzo na integra neste tópico aqui ao lado. Sugiro-te a ti e a todos os demais que têm estado a acompanhar este tópico que leiam para ver a realidade das coisas.

Dito isto, parece-me claramente grave o que se passa, porque dá-me ideia que a força de vendas não compreendeu muito bem o que estava em causa, e como seria de esperar aparentemente não percebeu ainda como funciona por dentro o HSD, e pensa que pode inventar valores a seu belo prazer.

Estou a imaginar na cabeça desse comercial qualquer coisa como "se a Toyota diz que faz 50%, eu que vendo Lexus tenho de subir a fasquia".

Posso estar a ser totalmente injusto. Posso. O que não é justo de certeza é inventar valores, muito menos quando roçam o disparate.

Voltamos à mesma questão com que começamos esta thread... 50% ou 70% do quê? Do tempo EV ou da distância EV? Em que cenário?

 

Sobre esta publicidade, depois de todos os testes realizados, apenas tenho a dar como minha opinião pessoal que a Toyota deu um tiro no pé.

E digo que deu um tiro no pé porque criou inimizades, foram abertas hostilidades com um grupo de pessoas que afinal estão bem perto do seu universo de clientes, e deixar esta imagem negativa mesmo quando se tem razão do ponto de vista técnico é muito mau.

Ou tinham capacidade para esclarecer, como acabámos por ser nós a fazer, ou não se metiam nesta "camisa de onze varas".

 

Pouco importa se têm ou não razão no sentido estritamente técnico, que já provámos terem.

O que importa, e os marketeers deviam-no saber, é a imagem transmitida, e a revolta no Facebook ao post do anuncio diz tudo.

 

A Toyota esquece-se que andou 20 anos a querer fazer evoluir as pessoas para uma mobilidade mais electrificada.

Esquece-se por isso que o próximo passo, o passo natural, para quem aprecia a locomoção parcialmente eléctrica no seu HSD, será a troca do HSD simples por um HSD Plug-In, ou até a troca do mesmo HSD por um EV. Certamente que a grande maioria dos clientes HSD está receptiva a isso, e aqui nesta casa temos isso mais claro que água cristalina.

Dizer preto no branco, não é insinuar, é dizer preto no branco, que efectuar carregamentos é um desconforto e um stress, é contrariar os seus próprios clientes, já para não falar na mossa que isso faz nas vendas do PHV. Cria anti-corpos dentro do seu próprio universo de clientes, é insano.

 

É 100% verdade, que a maioria dos Portugueses (e não só), acredita/pensa que um híbrido obriga a carregar da tomada. Sei disso, como sabemos todos, porque esta é logo uma das primeiras perguntas garantidas quando alguém que não nos conhece fica a saber que temos um híbrido.

É tão verdade isto que não é a primeira vez que alguém anda connosco no carro (HSD) e quando sai para comentar com terceiros a primeira coisa que diz aos outros é que temos um carro eléctrico.

Tudo isto é verdade, e acredito que muita gente não compre um híbrido porque pensa que o tem de carregar, e não tem onde o fazer, e com esta publicidade deixam mais claro que o híbrido não precisa de ser ligado à tomada. A população geral está ainda muito mal informada.

Mas de quem será a culpa? Quem é o principal fabricante que trouxe para a linha de produção em série o conceito híbrido há mais de 20 anos? Tiveram 20 anos para explicar o que é um híbrido, e agora acham que a melhor forma é atacar os PHVs e EVs? Não se perdoa.

 

Por isso digo, tecnicamente têm carradas de razão, estão perfeitamente suportados para dizer que um HSD faz 50% de EV, até faz mais.

Mas esse não é o ponto. O ponto é que para eu vender um produto não posso ter de dizer mal do produto ao lado, e foi isso que fizeram.

Criaram anti-corpos e hostilizaram uma grande fatia dos seus actuais e potenciais clientes, sem necessidade, não há justificação possível.

Spritmonitor.de Toyota Prius 3G PHV         Spritmonitor.de BMW C-Evolution        

Spritmonitor.de Toyota Prius 4G PHV         Spritmonitor.de Tesla Model 3

 

Don't confuse my personality with my attitude... My personality is who I am, my attitude depends on who you are...

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
014_Prius_PHV
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_3G
Moderator
tcap-support

Voltando ao tema e lateralizando um pouco, Depois de uma fase há alguns meses atrás em que tudo parecia ir de vento em popa com a chegada de novos PHV e EV, com o Ampera-e a começar as vendas a um preço aceitável e com baterias de 60 kWh, a perpsetiva em breve de um novo Leaf a acompanhar, o andamento do model 3 sem derrapagens e até a Toyota a anunciar grupos de trabalho para desenvolver EVs, para já não falar na chuva de anúncios de novos modelos para 2020, nas últimas semanas avolumam-se os sinais de que as coisas não vão ser assim tão rápidas.

O Ampera-e/Bolt está com uma produção miserável que não satisfaz minimamente a procura. Já se diz que a chegada a muitos países europeus só para 2019. A GM não tem interesse em vender mais. Apesar de um bateria já meia datada, o interessante Ioniq parece ir pelo mesmo caminho. O novo Leaf vai tendo notícias de que poderá não passar dos 40 kWh para já. Sucedem-se as notícias de que algumas marcas ainda acreditam haver futuro no diesel. Para acabar. a própria Toyota pede ao governo Indiano para travar a adoção dos EV e promove campanhas a denegrir os PHV/EV.

Na verdade, há que reconhecer que os fabricantes têm um modelo de negócio excelente, em que para além da venda de viaturas carregadas de componentes caros, vão depois buscar imenso dinheiro aos clientes através da manutenção das viaturas. Para quê mudar para um novo modelo que implica muito menos custos de produção e retorno quase nulo de manutenção? Pois...

 

 

Toyota Prius PHV    Spritmonitor.de

Page 4 of 5 (49 items) < Previous 1 2 3 4 5 Next > | RSS
Copyright 2009 Prius-PT.com
Powered by Community Server (Non-Commercial Edition), by Telligent Systems