Prius-PT
Comunidade independente de proprietários e amigos de viaturas de mobilidade sustentável

Diário de bordo - Pedro Matos

rated by 0 users
This post has 49 Replies | 7 Followers

Top 200 Contributor
Pequeno citadino
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km

Antonio Valente:
Penso eu que o "soube a pouco" foi relativo ao abaixamento de média global.

De facto o que me "soube a pouco" foi o valor do consumo médio, 4.2l/100km. Claro que este resultado é muito bom, mas tinha esperança de que fosse melhor. 

Top 200 Contributor
Pequeno citadino
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km

Antonio Valente:

Olha que a gasolina que andas a meter é 95 e não 91

Obrigado. Já corrigi.

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
014_Prius_PHV
017_Prius_4G_PHV
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_2G
SystemAdministrator
tcap-support

Pedro Matos:
O meu desafio actual é ter o pé na posição de "fluxo de energia nulo" sem olhar para o indicador do sistema híbrido.

Ora aí está um verdadeiro desafio para um condutor de 3G... Yes

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
014_Prius_PHV
017_Prius_4G_PHV
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_2G
SystemAdministrator
tcap-support

Pedro Matos:
Como manter uma média acima dos 100km/h sem interferir demasiado no transito? Tentei acelerar nas subidas e aproveitar as descidas.

Erro crasso meu caro!

Pedro Matos:
hegado a casa, Lumiar, estacionado o carro, o resultado foi: Trip B ~ 106.4km, 4.2l/100km, 98km/h.

O 3G é de facto uma máquina impressionante. Fazer 4,2 quando o condutor faz a maior asneira do mundo é algo fenomenal!

Pedro Matos:
soube-me a pouco. Sad

O que tinhas a fazer era precisamente o contrário, e muito me admira que ainda ninguém to tenha dito.

O que tens de fazer é acelerar lentamente nas descidas ou pelo menos "soltar" o carro em glide ao descer para ganhar "momento" sem aumentar o consumo grandemente, e depois deixar o carro "morrer" um pouco ao subir, fixando o pedal do acelerador sem mexer nem para cima nem para baixo.

A cada posição do acelerador corresponde uma determinada potência que o carro te entrega.

Se estiveres em modo "NORMAL", i.e. fora de ECO e fora de PWR, a resposta é linear, a equação de relação entre a posição do acelerador e a potência entregue é um segmento de recta perfeito.

Independentemente do modo, ao manteres a posição do acelerador vais manter a potência entregue, e naturalmente que se começas a subir um declive a mesma potência que trazias em plano ou a descer não vai ser suficiente para manter a velocidade ao começar a subir. Deixa-o perder velocidade, simplesmente NÃO aceleres, e o consumo mantém-se constante porque a potência se mantém constante.

Agora imagina o oposto, imagina o que tu fizeste, e aprecia o milagre que o 3G realizou ao dar-te uns comedidos e impressionantes 4,2 L/100km... Zip it!

EDIT: Na realidade o consumo mantendo o pedal quieto vai subir um pouco em subida, mas isso é fruto do decréscimo de velocidade, uma vez que a velocidade é função de distância por tempo, e a média é função de litros por distância. Realizamos menos distância por via da velocidade ser menor, por cada unidade de consumo (a que corresponde potência), logo o consumo sobe, mas nada que se compare ao que acontece se aceleramos!

Top 200 Contributor
Pequeno citadino
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
Pedro Matos replied on 17 May 2011 14:43

Faz muito tempo que não escrevo por aqui. Vou tentar escrever algo sucinto antes que o Daniel acorde. O Daniel está com quase 6 meses.

O meu 3G passou há poucos dias os 12000 Km.

Os consumos têm andado altos; entre 4.3 e 4.9 l/100km. Sad

Embarrassed Não tenho registado os consumos no Spritmonitor.

Tenho 3 histórias para contar:

(1) Em Janeiro, não bati Big Smile

(2) Reparação de um pneu Surprise

(3) Rebocado. Angry

(1) Em Janeiro, não bati

Em Janeiro, no acesso de Lisboa à ponte 25 de Abril, situação de para-arranca, olhei para o lado, só não bati no da frente porque o sistema de aviso de colisão apitou. Big Smile Ufa. Viva o aviso de colisão

(2) Reparação de um pneu

Um pneu de trás estava a perder mais ar que todos os outros. Surprise

No dia 2011/01/15, fui à Garagem Condestável, perto das 12:00 e em menos de uma hora encontraram o problema, um rebite "gigante", e repararam o furo.  Custou 14.55€.

Pedi também um orçamento para a substituição dos 4 pneus, com montagem  e alinhamento de direcção: 376.66€.

(3) Rebocado Angry

Num dia de férias em Caxarias (2011/04/13) o carro não abriu as portas, não respondeu ao comando... Usei a chave manualmente mas ele estava morto. Não ligava. A luz verde do start acendeu por uns segundos. Liguei para o número de apoio da Toyota e mandaram-me um reboque. Sim! Teve que ser rebocado. Angry Deprimente.

Tive que dizer ao senhor do reboque que as rodas da frente tinham que ir no ar porque o carro as bloqueava.

Chegado à Toyota de Leiria, eles informaram que não tinham disponibilidade diagnosticar o carro de imediato. Problema: o carro de substituição só fica disponível após diagnóstico. Fiquei furioso! Angry Quando eu estava para desistir o chefe da oficina disponibilizou-me o carro de cortesia. Um Yaris.

No dia seguinte, ao fim do dia libertaram-me o Prius. Trocaram a bateria de 12V e disseram que está tudo bem com o carro. Aparentemente a bateria de 12V "pifou". Eu acho estranho... custa-me a acreditar. Preferia que tivesse sido uma azelhisse minha mas não estou a ver qual.

Pronto, o Daniel acordou... Até breve.
Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
SystemAdministrator
tcap-support

As baterias 12V do Prius são equipamentos que têm um efeito arrasador no veículo.

Se ela estiver a pifar, os consumos aumentam. Vários utilizadores de 2G se queixam disso, e ao fim de 5 anos, voilá, bateria nova...

Neste caso de morte prematura, foi um elemento quase certamente. Venha a nova.

Branca de Neve 30% são minha autoria...

Planeta: CO2

Top 200 Contributor
Pequeno citadino
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
Pedro Matos replied on 7 Aug 2011 19:07

Julho foi um mês bom.

No início do mês atingimos os 14.000 km e no final os 15.000 km devido a umas viagens não planeadas.

Adquirimos um segundo carro, um Aygo, que ainda não deu para experimentar bem.

No Prius, os meus consumos são ainda muito inconstantes, resultado de uma má técnica ou de falta de paciência. Tenho que actualizar o spritmonitor... Embarrassed

Agosto começou muito mal! Sad

A meio da semana passada, na véspera de fazer um ano espatifámos o carro em Ourém. Não espatifámos completamente... Ainda circula. Batemos por trás num camião parado; culpa nossa. Resultado, o lado direito do carro ficou em mau estado: o espelho retrovisor foi arrancado, a lateral está raspada, as duas portas não abrem e o vidro da porta da frente não sobe nem desce. O camião, esse, não teve danos relevantes.

Hoje de regresso a casa, vindo dos lados de Ourém, fiz uma das viagens mais chatas. Como a janela do lado direito não fechava, está cerca de 10cm aberta, na autoestrada não viemos muito depressa. Programei o CC primeiro para 90 km/h, depois, passados 30 km como não está muito frio, aumentei para 100 km/h e lá viemos nós. Resultado, uma viagem chata e um consumo muito bom; das portagens de Fátima até casa no Lumiar fizemos: 120,7 km, 3.6l/100km, 85km/h.

Amanhã vou deixar o Prius na oficina da Melisauto para reparação. :-(

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
017_Prius_4G_PHV
Clube 1300 km
Moderator
tcap-support

Boas Pedro, infelizmente quem anda na estrada tem sempre hipótese de este tipo de situações acontecerem...desde que não existam feridos e que não passe de chapa / plásticos, haja "tempo". Eu no meu caso e por desatenção estúpida, não lhe consigo dar outro nome, só para reparar / substituir um dos para-choques lesionado / rasgado, ultrapassa os mil euros de estrago...mas como não tem danos além dos visuais ainda se vão mantendo até que me decida a mandar reparar.

Rapidez na reparação é o que te desejo.

Top 200 Contributor
Pequeno citadino
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km

O dia da greve dos transportes públicos, dia 2011/11/08,  de manhã foi muito mau... Angry Carros parados no meio dos cruzamentos vindos de todas as direcções. O pessoal levantou-se à presa e deixou a calma, a código de estrada e a cortesia em casa a dormir. Triste. Sad

Para fazer os meus 3.8Km matinais fiz um consumo de 11.8L/100Km a uma média de 3Km/h.

Eu só pensava: "Se esta máquina faz este consumo, como será o destes outros fumarentos aqui ao lado!".

Top 25 Contributor
Plug-In
013_Prius_3G
tcap-support

João Prates:

O que tinhas a fazer era precisamente o contrário, e muito me admira que ainda ninguém to tenha dito.

O que tens de fazer é acelerar lentamente nas descidas ou pelo menos "soltar" o carro em glide ao descer para ganhar "momento" sem aumentar o consumo grandemente, e depois deixar o carro "morrer" um pouco ao subir, fixando o pedal do acelerador sem mexer nem para cima nem para baixo.

A cada posição do acelerador corresponde uma determinada potência que o carro te entrega.

Uma das qualidades do Prius que lhe permite economizar, é precisamente ele poder armazenar em baterias uma parte da energia cinética que seria desperdiçada num veículo convencional, nomeadamente, quando não precisamos de acelerar. Assim, noutras situações, parte dessa energia será aproveitada (por exemplo, numa subida ou numa aceleração mais acentuada).

Apanhar o ponto de glide, de facto, permite que o veículo não desacelere tanto numa descida ou em plano, mas também nos inibe de armazenar a tal pequena parte da energia cinética que é desperdiçada. Por isso, creio que apanhar o ponto de glide ou, pura e simplesmente, largar o acelerador, deve ter uma curva de optimização, dependendo da inclinação da descida, velocidade a que queremos circular, eventual subida após essa descida, etc. Um exemplo, é a descida da A8 desde a área de serviço de Loures até às portagens. É possível descer quase sempre a velocidades da ordem dos 120km/h sem tocar no acelerador, excepto num ligeiro planalto pouco antes da saída para a CREL. Se calhar, noutros caso, já não será aplicável o mesmo. O que acham?

Edit: Uma outra coisa: no diagrama de fluxo de energias não me parece tão fácil apanhar o ponto de glide, pois dá-me a sensação que as setas de fluxo têm um certo lag. Não acham o mesmo?

Quanto a trabalhar para consumos, um dos maiores aliados, pelo menos para mim, continuam a ser a indicação do consumo instantâneo e a consulta regular da indicação do consumo a cada 5 minutos nos últimos 30 e a cada minuto nos últimos 15.

____________________________________________________________

Conduzam com cuidado, em respeito do código, da vida e do ambiente! Cool

Luís Miguel

Page 2 of 5 (50 items) < Previous 1 2 3 4 5 Next > | RSS
Copyright 2009 Prius-PT.com
Powered by Community Server (Non-Commercial Edition), by Telligent Systems