Prius-PT
Comunidade independente de proprietários e amigos de viaturas de mobilidade sustentável

Provável descida da cotação dos diesel no mercado de usados?

rated by 0 users
This post has 148 Replies | 8 Followers

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
510_Outlander_PHEV
Clube 1000 km
Moderator
tcap-support

Afonso Henriques:

 

A questão que quiz referir foi o facto de o concessionário optar por apresentar numa feira lado a lado um Outlander básico a diesel como uma opção económica, 7 lugares e classe 1 e um Outlander PHEV super equipado como uma versão de luxo.

Ou seja, a imagem que passa para o cliente é:

Barato e económico: Diesel

Topo de gama de luxo: gasolina/hibrido

Não está em causa as comparações mais realistas que pudemos fazer simplesmente pelo site.

Todos os Outlander >=2016 são classe 2 a não ser que a marca lhe substitua as molas do eixo da frente e emita respectivo certificado.

Toyota Prius 3G    Spritmonitor.de           Diário de Bordo de Um Prius Serrano

Mitsubishi Outlander PHEV    Spritmonitor.de  Diário de Bordo do Ironhide

Diário de um projeto de Autoconsumo Beirão - Link

Renault Fluence ZE - Diário de Bordo do Adamastor (Fechado)

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support

João Ferreira:
Todos os Outlander >=2016 são classe 2 a não ser que a marca lhe substitua as molas do eixo da frente e emita respectivo certificado.

Também pensava que sim, mas foi uma indicação no site da marca que me chamou a atenção e fui ver porquê...

Repara que independentemente da altura do capô na vertical ao eixo da frente, existe a exceção criada para os monovolumes.  Sendo um 4x2 e 7 lugares pode ser homologado como classe 1 usando via verde.     É essa exceção que permite que o meu C8 seja classe 1.

Editei:  Na verdade nem precisa ser 7 lugares apenas 5 ou mais, mas o inicio da lista faz referência ao DL.

Entretanto fui confirmar no site do IMT, e lá está o Outlander de 2016 na lista de monovolumes

Considero o Outlander PHEV juntamente com o RAV4 4x4 hibridos bastante interessantes para mim.  São na verdade os unicos hibridos que puderiam me substituir o Prius e o C8 simultaneamente.

Mas ser classe 2 tem uma desvantagem maior, pois com caravana passa a classe 3.  Foi uma das razões que me levou a despachar os Land Rover.

 

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
510_Outlander_PHEV
Clube 1000 km
Moderator
tcap-support

O meu é classe 1 e é >= 2016

 

Toyota Prius 3G    Spritmonitor.de           Diário de Bordo de Um Prius Serrano

Mitsubishi Outlander PHEV    Spritmonitor.de  Diário de Bordo do Ironhide

Diário de um projeto de Autoconsumo Beirão - Link

Renault Fluence ZE - Diário de Bordo do Adamastor (Fechado)

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support

Telmo Salgado:
Afonso, apesar dos apelos à tua curiosidade, preferes manter-te no obscurantismo e na perseguição duma auto-ciência.

Big Smile

Telmo, sou eu que estou a tentar despertar a tua curiosidade.

Mantém-te a tento a esta questão: custos de produção vs preço final.

Naturalmente não esperes encontrar explicitamente que o produto X custa 10€ e é vendido por 1000€.    O segredo é a alma do negócio....

Respeito a tua opinião e inteligência, e não te zangues que não vale a pena.   Smile

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support

João Ferreira:

O meu é classe 1 e é >= 2016

Foi por alteração da suspensão ou pela homologação de monovolume?

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support

Telmo Salgado:
O preço de produção é maior que uma caixa de velocidades, porque estas são vendidas ao cliente a 4mil euros (Toyota Avensis por exemplo). Mais não sei, apenas deverá ser um processo produtivo caro, porque se espelha no PVP.

Para despertar a tua curiosidade:

Nos anos 80 (inicio) encomendei ao representante da Casio o seu relógio mais sofisticado: o Data Bank  100

Na época era caro.

Devo ter sido dos primeiro a ter tal relógio em Portugal, pois foi do primeiro lote.

Atualmente, um relógio desse tipo, sai da fábrica da China com um preço inferior a 1 €, sem caixa nem bracelete.

Na fabrica ao lado, são feitos relógios com o antigo sistema mecânico de corda automático (sistema que sou fã). O custo de produção é no mínimo 10 vezes superior, exatamente devido ao rigor mecânico necessário.

Ambas as máquinas chegam à Europa, vendidos com marcas diversas em caixas e braceletes de diversas cores e formatos com PVP 100 vezes superiores.

Como dizia o outro:   agora pensa!     Smile

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
SystemAdministrator
tcap-support

On topic:

http://automonitor.pt/2017/06/29/comercio-e-industria/usados-da-vw-nao-perderam-valor-de-mercado/

Não pelo título, cujo conteúdo é uma "desonra para uma civilização dita inteligente", mas por esta citação:

Apesar de garantir o valor de remarketing dos modelos da VW, a Moodys adianta que os veículos com motores diesel tenderão a perder valor, de uma maneira geral, à medida que a pressão dos reguladores e a proibição de circularem no centro das grandes cidades se for ampliando. Madrid, Milão, Paris, Estugarda, Berlim e Munique são algumas das cidades que já anunciaram a intenção de proibir ou limitar a circulação de automóveis propulsionados com diesel.

 

Branca de Neve 30% são minha autoria...

Planeta: CO2

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support

Telmo Salgado:
Já agora, tens fonte para maior despreciação dum PHV em relação a um HV?

A desvalorização ou depreciação de um carro depende de vários fatores como sabes.

Sabemos que em Portugal os Otto desvalorizam mais que os Diesel.   Embora as transformações para GPL, nos últimos anos tenha dado algum valor a carros que praticamente não teriam qualquer valor.

Os Diesel modernos com o peso da idade e kms a mim não me atraem nada...   

Nos PHV e HV ainda não temos carros forma de comparar diretamente pois os componentes caros que fazem a diferença ainda estão todos em garantia nos PHV.

Mas daqui a poucos anos isso vai ser notório.

Eu vejo por mim:

Comprei por 7250 um Prius 2G com ano e meio de garantia de bateria.  Sabendo que terei um custo provável de 1600 euros dois ou 3 anos a frente.  Para mim é um risco aceitável.

Se fosse um PHV, nas mesmas circunstancias e partindo do principio que a bateria não custará apenas 1600 euros, não daria certamente 7250 euros sabendo que teria uma despesa provável de 50% desse valor ao fim de pouco tempo.   Logo a partida, pelo mesmo preço, idade, kms, preferia o HV.

Se considerarmos que o preço inicial é superior no PHV e que como usado fora da garantia vale, na melhor das hipóteses, o mesmo, Então temos uma depreciação superior.

É a minha opinião...

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
SystemAdministrator
tcap-support

Afonso Henriques:

(...)

Nos PHV e HV ainda não temos carros forma de comparar diretamente pois os componentes caros que fazem a diferença ainda estão todos em garantia nos PHV.

Mas daqui a poucos anos isso vai ser notório.

(...)

Se considerarmos que o preço inicial é superior no PHV e que como usado fora da garantia vale, na melhor das hipóteses, o mesmo, Então temos uma depreciação superior.

É a minha opinião...

O caminho que leva uma opinião tua a criar uma frase peremptória é fantasticamente curto. Bem me parecia, invejo a tua simplicidade de acreditar e fazer verdade em ti próprio! Wink

Branca de Neve 30% são minha autoria...

Planeta: CO2

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support

Ok, não concordas, então explica lá a tua opinião....

Achas que um PHV desvaloriza menos que um HV?

Porquê?

Não precisas dar links...   quero a tua opinião.

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Page 3 of 15 (149 items) < Previous 1 2 3 4 5 Next > ... Last » | RSS
Copyright 2009 Prius-PT.com
Powered by Community Server (Non-Commercial Edition), by Telligent Systems