Prius-PT
Comunidade independente de proprietários e amigos de viaturas de mobilidade sustentável

Test drive Hyundai Ioniq Híbrido

rated by 0 users
This post has 53 Replies | 8 Followers

Top 25 Contributor
EV
015_Prius+
A01_Ioniq_BEV
Clube 1000 km
tcap-support
Miguel Ramos replied on 15 Sep 2017 21:15

Eu acho que os EV/PHV vão ser poucos para um mercado que vai ser muito maior que hoje.

À medida que as pessoas forem percebendo que funciona, vendo o vizinho, que os custos por km são baixíssimos. À medida que os outros vão saindo da rua, encontrando restrições à circulação...

Quanto aos custos ambientais, eu sempre tive essa dúvida também. Mais alumínio, etc... Mas é muito difícil termos acesso aos dados verdadeiros, os que não são simplesmente números lançados para o ar.

Em tempos discutimos aqui no fórum um grande meta-estudo que passava exaustivamente por todos esses números. Não sei onde está, e era de 2012 ou coisa assim, era bom encontrar uma actualização.

Mas a conclusão dava uma vantagem ligeira aos EV, com os HV pouco atrás. Claro que o mix energético era o americano dessa altura. Muito pior que o nosso hoje! Portanto, a vantagem do EV tem crescido.

Ioniq EV Spritmonitor.de — Prius+ Spritmonitor.de

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support
Afonso Henriques replied on 15 Sep 2017 23:05

Telmo Salgado:
Afonso, observa bem a curva de depreciação típica:

Dizes bem.  É uma curva de depreciação tipica.   

Resultando num valor K da relação preço/idade.    Mas depois existe a variável M, que pode ser de Mais ou de Menos    Big Smile

Considerando apenas a curva K, estás me a dizer que em Portugal compras dois carros o mais idênticos possível pelo mesmo preço. Um com motor a gasolina e outro com motor a gasóleo. Fazes o mesmo número de quilómetros e ao  fim de 4 anos consegues vender os dois pelo mesmo preço...   Big Smile

Pois...       falta a variável M 

Esta variável é influenciada por um conjunto enorme de fatores.       E depois temos a curva realista que na verdade resulta de K + M, sendo o M positivo ou negativo.

Se me faço entender, uma coisa é a curva dizer que um carro vale K, outra bem diferente é conseguires vender o carro por esse valor.  Depende do M.

Por exemplo, um Prius 2G neste momento tem um M positivo.   Smile

Agora repara:

Aparentemente a curva estará nos 18% aos 10 anos.

Prius 4G  : 32 435.00€     aos 10 anos:  5838,30€

Prius PHV: 41 200.00€    aos 10 anos:  7416.00€   (os 8000.00€ que indiquei antes consideravam dois M's diferentes mas positivos para ambos)

diferença:   8 765.00€      aos 10 anos:  1577,70€

Metes os dois à venda por este preço e vais ver qual vendes primeiro...   

Mas mesmo que consigas vender os dois pelos valores indicados o PHV custou mais 7 187,39€

Será que a diferença de consumo compensou isso?

 

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support
Afonso Henriques replied on 15 Sep 2017 23:25

Telmo Salgado:
A fase de produção da viatura é responsável por emissões elevadas e gastos de energia equivalentes a cerca de 160 mil km percorridos (li isto algures, e quantificado). Se insistirmos numa viatura que emite mais por cada km, estamos a contribuir, para lá dos tais 160mil km, com maiores perdas do que o início de novo ciclo de uso.

Considerando que o meu W123 tem 35 anos e 220 mil kms. posso dizer que em situações normais de vida evitou a produção e abate de dois carros com ciclo de vida de 12 anos.   Smile

Mas não me levem a sério nisto...    pois por esta ordem de ideias as fábricas produziam muito menos e milhares de pessoas ficavam sem trabalho. É certo que teríamos muito menos poluição...    mas cada vez mais as coisas serão descartáveis.   Inclusive os carros.  Interessa à industria e a sociedade em geral que os carros sejam abatidos entre os 8 e os 12 anos.

Qual a relação disto com o teste do Ioniq?

Bem, tem tudo haver, pois eu posso manter o W123 mais 10 anos ou abater e adquirir um Ioniq para utilizar nos próximos 10 anos e depois também ele ser abatido.    A questão é, qual seria o impacto ambiental das duas situações? qual seria menos poluente?     Sinceramente não faço ideia.

Uma coisa é certa, na minha carteira o Ioniq faria um maior estrago.  Angry

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
017_Prius_4G_PHV
903_Tesla_Model_3
ConsumoRecorde_3G
Moderator
tcap-support
Luis Neves replied on 16 Sep 2017 0:53

Afonso H:

Mas se a bateria não custa isso, como se justifica 9000€ de diferença a mais no Prius PHV? E não é uma bateria de 24kWh...

Afonso H:

Mas se o objetivo é o máximo de economia e sem um investimento tão grande a partida, um HV a GPL acaba por ficar mais económico. Até o meu velhinho Prius se tivesse GPL faria facilmente 3500€ em cada 100 mil kms.

Temos de comparar preços para versões com nível de equipamento idêntico. O diferencial é muito menor do que esse valor; bem ou mal a marca presume que quem compra um carro do valor do PHV não quer versões 'despidas', enquanto que um HV para competir com fumarentos tem de apresentar uma versão base com o custo o mais baixo possível.

Quanto à economia, pois, isso é um argumento sem fim. Também um Dacia a gasolina é capaz de sair mais barato que um Prius a GPL, sendo um papa-reformas naturalmente ainda melhor, para já não falar numa biclicleta. A questão é o que estamos dispostos a conduzir e qual o orçamento que podemos alocar a essa preferência.

Toyota Prius 4G PHV    Spritmonitor.de

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support
Afonso Henriques replied on 16 Sep 2017 10:15

Luis Neves:
Quanto à economia, pois, isso é um argumento sem fim. Também um Dacia a gasolina é capaz de sair mais barato que um Prius a GPL, sendo um papa-reformas naturalmente ainda melhor, para já não falar numa biclicleta. A questão é o que estamos dispostos a conduzir e qual o orçamento que podemos alocar a essa preferência.

Mas a comparação que eu eu me referia era entre uma versão HV a GPL  e um Plug in a gasolina.

Sejam os Prius ou os Ioniq...

Não sei se não se consegue maior economia com a versão HV a GPL.

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 75 Contributor
Full Hybrid
017_Prius_4G_PHV
tcap-support
Fernando Amaral replied on 16 Sep 2017 17:49

A economia não é tudo, embora seja bastante importante.

Para mim. o fator PEM (porque eu mereço) foi fundamental. A passagem de um HV para um EV, nesta fase, pareceu-me um salto arriscado. Assim, "evoluí" para uma solução intermédia que me permite, na maior parte do tempo, o prazer de conduzir em EV e em viagens mais longas (como a que fiz à Andaluzia há poucos meses ou ao centro do país há dias), a complementaridade com um modo HV é tranquilizante.

Não tenho dúvidas que darei o salto para os EV nos próximos 10-15 anos, quando a rede de postos de carregamento estiver mais estruturada e a tecnologia mais consolidada ('bora lá com as baterias sólidas, Toyota).

Deep Blue (Toyota Prius 4G PHV)  Spritmonitor.de

Top 150 Contributor
Pequeno citadino
050_C-HR_2016

Gostei do PEM! Também concordo que é um factor a entrar em conta.

Top 25 Contributor
Plug-In
012_Prius_2G
tcap-support
Afonso Henriques replied on 17 Sep 2017 12:41

Fernando Amaral:
Para mim. o fator PEM (porque eu mereço) foi fundamental. A passagem de um HV para um EV, nesta fase, pareceu-me um salto arriscado. Assim, "evoluí" para uma solução intermédia que me permite, na maior parte do tempo, o prazer de conduzir em EV e em viagens mais longas (como a que fiz à Andaluzia há poucos meses ou ao centro do país há dias), a complementaridade com um modo HV é tranquilizante.

Boa!!!   agora disseste tudo.  Yes

O que interessa gastar mais um litro ou menos um litro se não gostarmos do carro?

É por isso o Prius é mais eficiente, mas eu gosto mais do Ioniq.   Mesmo confiando mais no sistema Toyota...

Até há pouco tempo deixava o GPL na garagem muitas vezes e usava o Porsche a gasolina 98 para as viagens de AE...      Gastava mais do dobro, mas dava-me um prazer danado!   Big Smile

Hoje li este teu post no telemóvel, já passava da 1h da madrugada, à porta das urgências pediatrica de um hospital a 45 kms de casa.   Estava eu a pensar como poderia ter saído aquela hora se fosse num EV depois de ter gasto toda a bateria até ao fim do dia.  Cada vez gosto mais do Prius HV.

Também apanhei um I3 a pastelar na AE...   possivelmente a contar os últimos eletrões da pilha.  Angry

Toyota Prius 2G   Spritmonitor.de

Top 50 Contributor
Plug-In
015_Prius+
021_Auris_HSD_1G
tcap-support
Bruno Brito replied on 18 Sep 2017 9:12

Afonso H:
Hoje li este teu post no telemóvel, já passava da 1h da madrugada, à porta das urgências pediatrica de um hospital a 45 kms de casa.   Estava eu a pensar como poderia ter saído aquela hora se fosse num EV depois de ter gasto toda a bateria até ao fim do dia.

Esse é exactamente o pensamento que me faz ter de atestar cada vez que tenho uma autonomia inferior a 200km e me incomoda na ideia de algum tia ter um EV. Nunca sei quando posso ter uma emergência de qualquer tipo, mas quando isso acontecer, não quero estar apeado!

Top 150 Contributor
Pequeno citadino
050_C-HR_2016

É por isso que continuo a pensar que a solução Opel Ampera, que não vingou, seria a melhor para dar espaço/tempo para a evolução das baterias: viatura movida 100% eléctrico, com gerador integrado (motor de combustão interna). 

Page 5 of 6 (54 items) « First ... < Previous 2 3 4 5 6 Next > | RSS
Copyright 2009 Prius-PT.com
Powered by Community Server (Non-Commercial Edition), by Telligent Systems