SITE OFFLINE
Esta comunidade mudou-se para https://ecomove.pt, registe-se no novo site!

Diário de Bordo - 3G - António Valente

rated by 0 users
This post has 367 Replies | 27 Followers

Top 150 Contributor
Pendura
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
tcap-support

2ª viagem no meu menino

Percurso: Porto - Murça - Vila Flor - Torre Moncorvo - Carviçais - Alfândega da Fé - Mirandela - Porto.

Quase 500 km de uma maravilhosa montanha russa, que começou com a auto-estrada Porto-Amarante a 125 km/h e acabou com 110/120 km/h no regresso. Subir o Marão a seguir um camião a 25 km/h metade da subida. Uma magnifica posta mirandesa em Carviçais, e...

Média final 4,6 l/100, longe das médias famosas do Prates, mas melhor que os 2 fumarentos que foram comigo.

No regresso a casa estamos (eu e a esposa) satisfeitos e pouco cansados. O meu menino está a crescer e portou-se muito bem. Passou pelos 1000 km, depois de lhe ter dado de beber no início da viagem.

Pena que vou voltar às viagens de 3 km de cada vez.

hoje aprendes, amanhã ensinas, e o ciclo repete-se até ao infinito...

  Prius 3G (ZVW30H8)             Spritmonitor.de  Renault Megane 1.5 dci

https://www.youtube.com/watch?v=bl0Wq4tVXI4

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
014_Prius_PHV
017_Prius_4G_PHV
ConsumoRecorde_2G
SystemAdministrator
tcap-support

Fazer auto-estrada e serra com um 2G e chegar ao fim com média de 4.6 é impensável para o meu 2G.

Os parabéns ao teu menino, portou-se à altura!

Já agora por curiosidade, quanto é que os teus amigos fumarentos fizeram no mesmo percurso?

Top 150 Contributor
Pendura
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
tcap-support

João Prates:

Já agora por curiosidade, quanto é que os teus amigos fumarentos fizeram no mesmo percurso?

Não sei bem, mas fizeram mais. Vou tentar saber.

Já agora alguém me explica uma coisa. Ao descer o Marão, com a bateria a 100% e o CCA ligado para 70 km/h e carros à frente a 50 sentia-se o motor acelerado, mas a indicação de consumo não aparecia. O motor devia ir a desperdiçar a energia recuperada pela travagem, mas não devia de marcar consumo? Ou será que o motor ia a rodar sem combustível, como nos convencionais, só que cada vez acelerava mais para travar, reduzindo a velocidade do MG2?

hoje aprendes, amanhã ensinas, e o ciclo repete-se até ao infinito...

  Prius 3G (ZVW30H8)             Spritmonitor.de  Renault Megane 1.5 dci

https://www.youtube.com/watch?v=bl0Wq4tVXI4

Top 150 Contributor
Pendura
0000_PREMIUM_Access
013_Prius_3G
Clube 1000 km
tcap-support

Nem tinha reparado nesta provocação:

João Prates:
Fazer auto-estrada e serra com um 2G e chegar ao fim com média de 4.6 é impensável para o meu 2G.

Mas o meu menino é 3G (embora com 900 km à partida).

Eu é que ainda sou 1G. Wink e o terreno é 4G Tongue Tied

hoje aprendes, amanhã ensinas, e o ciclo repete-se até ao infinito...

  Prius 3G (ZVW30H8)             Spritmonitor.de  Renault Megane 1.5 dci

https://www.youtube.com/watch?v=bl0Wq4tVXI4

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
014_Prius_PHV
017_Prius_4G_PHV
ConsumoRecorde_2G
SystemAdministrator
tcap-support

António Valente:
Ao descer o Marão, com a bateria a 100% e o CCA ligado para 70 km/h e carros à frente a 50 sentia-se o motor acelerado, mas a indicação de consumo não aparecia. O motor devia ir a desperdiçar a energia recuperada pela travagem, mas não devia de marcar consumo?

Pela tua descrição a bateria estava mesmo cheia ao máximo.

Quando a bateria está já nos 80% de carga (limite máximo permitido pelo Prius), o carro tem de evitar que mais corrente eléctrica chegue até ela.

Acontece que desde não estejas a acelerar (nesse caso até estavas a travar), o MG2 está a servir de gerador e não de motor.

Como o MG2 está permanentemente ligado às rodas, não há nada que se possa fazer (excepto parar) para que o MG2 não gere electricidade.

O que o Prius faz é desviar essa energia logo à nascença no próprio inversor, e em vez de a deixar seguir para a bateria, envia-a para o MG1.

O inversor controla então a velocidade e sentido de rotação do MG1 por forma a forçar o MCI a rodar, dissipando essa energia.

Um motor de combustão sem ignição nem injecção oferece resistência à rotação. Existe atrito sempre presente no MCI.

Nesta situação de bateria cheia, quanto mais depressa rolares sem acelerar ou pior a travar, mais energia o MG2 vai gerar.

Quanto mais energia gerar o MG2, mais energia tem de ser gasta pelo MG1.

Quanto mais energia tiver de ser gasta pelo MG1, maior a rotação do MCI porque o atrito é tanto maior quanto maior a rotação do MCI.

Neste caso podes experimentar a sensação estranha de quanto mais travas mais rotação o MCI ganha, o que pode parecer um pouco estranho.

António Valente:
Ou será que o motor ia a rodar sem combustível, como nos convencionais,

Sim.

António Valente:
só que cada vez acelerava mais para travar, reduzindo a velocidade do MG2

O MCI não tem relação directa com o MG2, nem com as rodas do carro por inerência.

A diferença de rotação entre o MG2 e o MG1 resulta na rotação do MCI.

Top 500 Contributor
Pendura
013_Prius_3G

Esta situação que descreveste do MG2 e MG1 em situações prelongadas de travagem continua numa descida não poderá ser prejudicial para o motor (gerador) pois embala um vez que cada vez acelera mais para conseguir travar ? isto faz-me lembrar uma vez um ensaio de um motor trifasico no banco de ensaio, que ele embalou e ganhou uma velocidade medonha e fomos mesmo obrigados a desligar-lhe a alimentação para acalmar o menino (antes de queimar as bobines claro (motor de indução))


Prius 3G  
Spritmonitor.de

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
017_Prius_4G_PHV
ConsumoRecorde_3G
Moderator
tcap-support

Isto é resposta para o Prates, mas vamos lá a ver, o carro não embala nem a rotação do MG2 aumenta pois é directamente proporcional à velocidade; o que aumenta é a rotação do MCI, mas como este não está ligado às rodas a única coisa que faz...é barulho!

Toyota Prius 4G PHV    Spritmonitor.de

Top 10 Contributor
EV
015_Prius+
A01_Ioniq_BEV
Clube 1000 km
tcap-support

Luis Neves:
o carro não embala nem a rotação do MG2 aumenta pois é directamente proporcional à velocidade; o que aumenta é a rotação do MCI, mas como este não está ligado às rodas a única coisa que faz...é barulho!

Como é?????

Em descidas prolongadas o Prius ganha velocidade, sem sombra de dúvidas. Se a velocidade aumenta, a rotação do MG2 também aumenta!!!! E mesmo que a velocidade do carro não aumente, o MG2 estará sempre a produzir energia; se as baterias estiverem nos 80% de SOC, essa energia que já "não cabe" nas baterias terá que ser dissipada. Aquilo que o Prius faz é enviar essa energia para o MG1 para que este obrigue o MCI a trabalhar! E quanto maior for a energia produzida pelo MG2, com a bateria nos 80%, maior será a rotação do MCI, independentemente de o carro estar a ganhar ou perder velocidade!

 

 

Top 10 Contributor
EV
0000_PREMIUM_Access
014_Prius_PHV
017_Prius_4G_PHV
ConsumoRecorde_2G
SystemAdministrator
tcap-support

Carlos Costa:
Aquilo que o Prius faz é enviar essa energia para o MG1 para que este obrigue o MCI a trabalhar!

Eu não diria "trabalhar", porque a realização de trabalho é nula, o motor não está a produzir trabalho nenhum, antes pelo contrário.

O MCI neste caso actua como um dissipador de energia, simples como isso.

Irónicamente o Prius usa o MCI para de propósito fazer aquilo porque os MCIs são mais criticados: desperdício energético, é brilhante! Geeked

Ao fim e ao cabo, quanto mais energia o MG1 receber do MG2, mais energia tem de dissipar, e mais depressa vai fazer o MCI girar.

Mas o importante é mesmo salientar que o MCI gira em seco, sem ignição nem injecção, apenas para dissipar a energia.

Em mais de 3 anos de condução Prius, isto aconteceu-me umas 2 ou 3 vezes apenas, o que prova que a bateria está bem dimensionada.

Para quem nunca leu estes documentos, e gosta destes pormenores técnicos, aconselho que o façam e por esta ordem:

http://prius-pt.com/cafe/media/p/65.aspx

http://prius-pt.com/cafe/media/p/66.aspx

http://prius-pt.com/cafe/media/p/67.aspx

http://prius-pt.com/cafe/media/p/68.aspx

O simulador que é referido nos documentos está aqui (acho que o link no documento já não funciona):

http://prius-pt.com/cafe/media/p/22.aspx

Tudo o que é dito nos documentos é referente ao Prius 2G, algumas coisas foram alteradas no 3G, mas os princípios continuam todos os mesmos.

Agora se quiserem continuar a discutir isto, por favor abram novo tópico, estamos a invadir o DB do Valente.

Top 500 Contributor
Pendura
013_Prius_3G

Obrigado pelo esclarecimento, não conhecia estes pormenores de funcionamento, mas sem duvida, inteligente maneira os técnicos da toyota arranjaram para dissipar a energia que o prius não precisa e não consegue armazenar.


Prius 3G  
Spritmonitor.de

Page 5 of 37 (368 items) « First ... < Previous 3 4 5 6 7 Next > ... Last » | RSS
Copyright 2009 Prius-PT.com
Powered by Community Server (Non-Commercial Edition), by Telligent Systems